Simples Doméstica: Qual valor será pago pelo empregador?

Deixe sua avaliação

Se você acompanha o blog já a algum tempo sabe que está obrigatório a partir de outubro, os pagamentos de FGTS para trabalhadores domésticos. O primeiro pagamento da nova lei do simples doméstico será até dia 06 de novembro.

Com a nova lei, empregadores estão obrigados a pagar os direitos do trabalhador doméstico, como demissão por justa causa, seguro contra acidente, INSS e FGTS. Todos os pagamentos podem ser feitos pela internet através do site e-Social, inclusive o cadastro do trabalhador.

Muitas são as dúvidas dos empregadores em relação a quais serão no total os valores pagos em direitos ao trabalhador doméstico com a nova lei. Por isso, vamos mostrar abaixo através de exemplo quanto irá custar para o trabalhador todo mês os pagamentos

Quem tem direito ao FGTS?

Calculo do FGTS e Simples Domésticos

O total de impostos, somando fundo por demissão sem justa causa (3,2%), seguro contra acidente de trabalho (0,8%), INSS recolhido pelo empregador (8%), FGTS para o doméstico (8%), temos um total de 20% de impostos no simples doméstico. A contribuição ao INSS, que para o empregador correspondia a 12% do salário da trabalhadora, foi reduzida para 8%. Acompanhe o exemplo da imagem abaixo:

calculo fgts simples domestico

Veja aqui como pagar e gerar a guia de contribuição do empregado doméstico.

Resumo

A partir de 01/10/2015, de acordo com a Lei Complementar nº 150, de 1º de junho de 2015, o empregado doméstico, dentre outros benefícios, passa a ter o direito ao Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, que protege o empregado demitido sem justa causa e forma um patrimônio que o auxilia na aquisição da casa própria.

Deixe seu comentario

Your email address will not be published. Required fields are marked *